FUD, FOMO e Whales: tudo o que você precisa aprender para se blindar no mercado cripto!

Se você se interessa pelo mercado de Criptoativos, é importante entender termos como FOMO, FUD e Whales. No entanto, muitas pessoas ainda possuem dúvidas sobre o seu significado e implicações. Para entender o que são esses termos e como eles interagem entre si, continue a leitura

FUD, FOMO e Whales: O que são?

Como já mencionamos, o primeiro passo para se dar bem nesse mercado é entender cada uma das expressões e o que elas significam para os seus investimentos. Veja a seguir:

FUD: Fear, Uncertainty, Doubt

Estamos falando sobre sentir MEDO. Vale destacar que ter acesso a muita informação nem sempre é bom. Quando saem notícias ruins sobre as NFTs, as pessoas tendem a se desesperar e o efeito manada de venda ocorre, devido a esse medo de que alguma coisa muito ruim possa vir a ocorrer.

FOMO: Fear Of Missing Out

Podemos definir como medo de deixar de ganhar. Sabe quando você tem a sensação de que algo importante está acontecendo e não quer correr o risco de não fazer parte disso?! FOMO é exatamente isso.

O surgimento de NFTs foi um caso claro de FOMO. Conforme os preços das artes não fungíveis subiam, mais pessoas compravam com medo de perderem essa oportunidade de ganhar dinheiro. Ou seja, as pessoas não queriam ficar de fora dessa novidade e perder a possibilidade de lucrar!

Whales

Por fim, Whales significa  Baleias”. Se enxergamos o mercado das NFTs como um oceano, os grandes “players” são as baleias. Essas pessoas/empresas, possuem muitos criptoativos, ao ponto de conseguirem fazer o mercado cair, vendendo uma pequena parcela do seu capital. 

Mas o contrário também é verdade, já que essas pessoas também conseguem gerar uma alta no mercado, comprando muito. 

Como esses fatores se relacionam?

Agora que você já sabe o que são FUD, FOMO e Whales, o próximo passo é entender como tudo isso se relaciona. Tenha sempre em mente que muitos novos investidores no mercado NFT, são investidores de primeira viagem. Eles resolveram comprar devido a uma FOMO (ficaram sabendo da oportunidade e não quiseram ficar de fora). No entanto, toda essa inexperiência e ansiedade faz com que o efeito do FUD seja potencializado. 

Lembre-se que o mercado não age racionalmente, salvo em poucos momentos. Mas a trajetória dos criptoativos é de crescimento no longo prazo.

Investidores whales sabem disso. E como eles operam? Ao notar o efeito manada em potencial, eles vendem boas parcelas, afundando o mercado ainda mais. Depois esperam o efeito dos pequenos vendendo e baixando ainda mais o preço. E  é nesse momento que eles compram novamente e aumentam suas posições.

Resumidamente, conseguimos resumir a relação entre esses termos da seguinte maneira:

  • Notícias atraem atenção para o mercado.
  • Investidores inexperientes compram devido à FOMO e vendem devido a FUD (se colocando sempre do lado errado do mercado).
  • Já os Whales aproveitam as oscilações do mercado para aumentarem suas posições e seus ganhos.

Quando aplicamos essa realidade no mercado de NFT, notamos que os brasileiros começam a investir sem antes entender que o mercado é volátil e, justamente por medo, acabam vendendo em momentos de oscilações, desvalorizando o próprio investimento.

Como se blindar e se tornar Whale?

Caso você queira se dar bem, é necessário desenvolver a mentalidade de uma whale. Esses investidores não vendem porque acham que o mercado vai quebrar, eles vendem buscando comprar mais barato depois que ele cai, e assim aumentam suas posições. Por sua vez, os novatos fazem exatamente o oposto. 

Então, não esqueça: Não compre motivado por FOMO. Não venda em momentos de FUD. É assim que você vai ver seus rendimentos crescerem.

Entendeu os conceitos? O que achou? Deixe nos comentários.

Artigos Relacionados

CURTIU? NÃO SE ESQUEÇA DE COMPARTILHAR!

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

plugins premium WordPress

Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.